topo

seja bem-vindo

............................................... ...............................................

ANTEPROJETOS DE LEI CONTRA MAUS CONSTRUTORES

PEC DA CELERIDADE PEC DA CELERIDADE EMENTA: ―As mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal nos termos do § 3° do Art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto constitucional: Art.1°- O Art. 59da CF passa a viger com a seguinte redação: Art. 59 – §1°..................... .................. §2° - Todas as proposições que tramitam no Senado Federal,na Câmara dos Deputados, Assembléias Legislativas e Câmaras Municipais por mais de dois anos e um dia, deverão ser incluídas pelos Presidentes das respectivas Casas de Leis para apreciação do povo brasileiro no plebiscito que ocorrer com a próxima eleição do pais. As proposições aprovadas no plebiscito serão promulgadas pelo Presidente do Congresso Nacional, Presidentes das Assembléia Legislativas e Câmaras Municipais no prazo máximo de trinta dias contados da data do plebiscito e entrarão em vigor a partir da publicação em Diário Oficial da União, dos Estados e Municípios. Art 2° - É incluído no Art 103B da CF o inciso VIII, passando a viger com a seguinte redação: Art 103B- VIII - receber dos tribunais estaduais e federais a relação dos processos em tramite por mais de dois anos e um dia e determinar a estes tribunais que os incluam no regime de mutirão, com uso do sábado, domingo e feriados. O sentencia mento deve ocorrer no prazo máximo de seis meses, sob pena de intervenção do CNJ. Quando as pessoas se unem,a fé aumenta,a dor diminui,a esperança aparece e o amor resplandece. Quando as pessoas se unem,a fé aumenta,a dor diminui,a esperança aparece e o amor resplandece.

MENUS

frase de bispo

INFORMATIVO:

MANDE SEU COMENTÁRIO

MANDE SEU COMENTÁRIO

domingo, 26 de agosto de 2012


PEC DA CELERIDADE 

A ICC PROCURA UM SENADOR OU DEPUTADO CORAJOSO E PATRIOTA PARA ASSINAR ESTA PEC QUE É A REDENÇÃO DA CIDADANIA DO BRASILEIRO. 

QUEM REUNIR ESTES DUAS QUALIDADES PODE ASSINÁ-LA COM NOSSA AUTORIZAÇÃO, APOIO E ORAÇÕES. 

PARA SE FAZER O BEM NÃO SE PRECISA PEDIR PERMISSÃO 
( Dom Expedito Machado , arcebispo-primaz da ICC) 

Deu na imprensa :
“Congresso deixa de votar trinta mil leis Para zerar a pilha de projetos à espera de votação, o Congresso brasileiro precisaria de um século. Segundo um levantamento feito pelo jornal O Globo, neste domingo, na Câmara e no Senado, cerca de 30 mil propostas estão em tramitação. Pela média histórica, só uma em cada dez tem chance de virar lei. O restante irá para o arquivo. Neste processo, há 2.180 vetos presidenciais à espera da apreciação parlamentar, alguns na fila há uma década. Na análise das contas presidenciais, há pendências de 12 exercícios financeiros. A mais antiga é de 1990, ainda do governo Collor. O Código Florestal, por exemplo, que foi motivo de polêmica nesta semana, já está na pauta há 12 anos”.

A Igreja Católica Carismática, através da sua Conferência dos Bispos Católicos Carismáticos  interpretando o sentimento da esmagadora maioria dos brasileiros:
PROPÕE

à alta consideração de Vossas Excelências minuta de EMENDA CONSTITUCIONAL abaixo, a qual uma vez integrada ao nosso ordenamento jurídico eliminará definitivamente  a MOROSIDADE dos poderes Legislativo e Judiciário, fonte de todos os males que assolam a nação brasileira e seu povo, desde o Descobrimento até os dias atuais. Dentre eles os dois maiores – a corrupção e a impunidade.
Esta Emenda a Constituição Federal, que se denomina desde já de PEC DA CELERIDADE ,  com certeza absoluta eliminará estes dois cancros da sociedade brasileira, acima nomeados:
PEC DA CELERIDADE
EMENTA:
As mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal nos termos do § 3° do Art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto constitucional:

Art.1° - O Art. 59 da CF passa a vigiar com a seguinte redação :
Art 59 –
§1°..................... ..................
§2° - Todas as proposições que tramitam no Senado Federal,na Câmara dos Deputados, Assembléias Legislativas e Câmaras Municipais por mais de dois anos e um dia, deverão ser incluídas pelos Presidentes das respectivas Casas de Leis para apreciação do povo brasileiro no plebiscito que ocorrer com a próxima eleição do pais. As proposições aprovadas no plebiscito serão promulgadas pelo Presidente do Congresso Nacional, Presidentes das Assembléia Legislativas e Câmaras Municipais no prazo máximo de trinta dias contados da data do plebiscito e entrarão em vigor a partir da publicação em Diário Oficial da União, dos Estados e Municípios.

Art 2° - É incluído no Art 103B da CF o inciso VIII, passando a vigiar com a seguinte redação:
Art 103B-
VIII - receber dos tribunais estaduais e federais a relação dos processos em tramite por mais de dois anos e um dia e determinar a estes tribunais que os incluam no regime de mutirão, com uso do sábado, domingo e feriados. O sentencia mento deve ocorrer no prazo máximo de seis meses, sob pena de intervenção do CNJ.

           Dado e passado nesta cidade de Santa Maria de Belém do Grão Pará, em 10  de outubro de 2011.

a) CONFERENCIA NACIONAL  DOS BISPOS CATOLICOS CARISMÁTICOS DO BRASIL
 Visite o blog : http//: www.manifestoanacao2012.blogspot.com

SAIU EDITAL PARA CAPELÃO MILITAR DO EXERCITO


 MULHERES TEÓLOGAS PODEM SE CANDIDATAR. ANTES SOMENTE HOMENS PODIAM SE CANDIDATAR . FOI UM GRANDE AVANÇO DESTE EDITAL . CONFIRAM 


Exército

Saiu edital de seleção para capelães militares

 Quinta-feira, 14 de julho de 2011
Exército
  • Anexos

  • Conteúdo Gratuito
  • Cronograma

Selecione o dia para mais detalhes
DSTQQSS
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 
11/09/2011Exame intelectual (EI)
O Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx) lançou edital para a realização de processo seletivo, que visa aprovar candidatos para a matrícula no Estágio de Instrução e Adaptação para Ingresso no Quadro de Capelães Militares (EIA/QCM). Ao todo, serão quatro vagas, sendo três para padre católico apostólico romano e uma para pastor evangélico.

Segundo definição do Exército, o capelão militar tem como função prestar assistência religiosa e espiritual, cooperando na orientaçãoeducacional e moral dos integrantes e seus familiares. Também presta assistência aos presos pela Justiça Militar e aos enfermos.

O estágio será desenvolvido em três diferentes locais. O primeiro na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), o segundo período na Escola de Sargentos das Armas (EsSA) e, por fim, nas organizações militares de Brasília e do local onde o capelão militar será classificado.

Ao ser matriculado, o candidato passa ao posto de aspirante à oficial, recebendo vencimentos no valor de R$ 5 mil. Após a conclusão do estágio, continua com o mesmo valor até ser promovido ao posto de segundo-tenente.

Inscrições
Para participar, o candidato deve ser sacerdote católico romano ou pastor evangélico; brasileiro nato; ter entre 30 e 40 anos de idade (até 31 de dezembro do ano da matrícula); ter concluído curso de formação teológica regular (nível superior); ter sido ordenado sacerdote católico romano ou pastor evangélico; possuir pelo menos três anos de atividades pastorais; entre outros requisitos que podem ser consultados no edital anexo ao lado. A estatura mínima exigida é de 1,60 metro para homens e 1,55 para mulheres.

As inscrições para o processo seletivo serão abertas no dia 25 de julho e seguem até 15 de agosto. Deverão ser feitas exclusivamente via internet, pelo site www.esfcex.ensino.eb.br/esfcex. A taxa é de R$ 110.

Quem desejar pedir a isenção do pagamento da taxa, deverá solicitar entre os dias 25 e 29 de julho, pelo mesmo site de inscrição.

O processo seletivo será composto de exame intelectual (EI) - com questões de teologia e português (redação e objetiva); inspeção de saúde (IS); exame de aptidão física (EAF); e revisão médica e comprovação dos requisitos biográficos. Os exames acontecerão em locais determinados pelos órgãos escolhidos pelo candidato na hora da inscrição.

As provas do EI estão previstas para acontecer no dia 11 de setembro, a partir das 9h. Os aprovados serão convocados a realizar o IS e o EAF, previstas para 12 de dezembro e 13 de janeiro de 2012. A lista com os locais onde os exames acontecerão pode ser consultada no edital anexo.

George Corrêa


Veja também:


sábado, 18 de agosto de 2012


Justiça Eleitoral barra candidatura de mais de cem policiais e bombeiros no Rio



A Justiça Eleitoral fechou o cerco para mais de uma centena de policiais e bombeiros candidatos a vereador no Rio de Janeiro. No total, 568 agentes pediram licença remunerada para concorrer nas eleições deste ano. Mas, de acordo com o último balanço do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), 102 aspirantes ao cargo do Legislativo foram barrados em todo Estado.

Os motivos vão desde falta de documentação exigida para o registro eleitoral até suspeita de ligação com milícias e outros grupos paramilitares. Os PMs aparecem no topo da lista dos barrados, com 70 nomes considerados inaptos pelo TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio), seguidos de sete policiais civis e 25 bombeiros.

Os candidatos ainda podem entrar com pedido para reverter a decisão da Justiça, que tem até o dia 23 de agosto para julgar os recursos. Enquanto isso, todos os agentes, inclusive os policiais e bombeiros com registro negado, continuam afastados de suas funções e em campanha eleitoral. O desfalque nas três instituições provoca a diminuição do efetivo nas ruas.

Com 391 candidaturas, a Polícia Militar perde o equivalente ao número de agentes que lotam uma das quatro UPPs (Unidade de Polícia Pacificadora) do Complexo do Alemão, na zona norte. Os 61 policiais civis que tentam cargo político poderiam completar o quadro de uma delegacia da capital. Os 120 bombeiros preencheriam o contingente médio de um quartel da zona oeste.

Por conta do número elevado das candidaturas, o TRE-RJ, em parceria com o Ministério Público e a Secretaria Estadual de Segurança, decidiu investigar a campanha de todos os agentes a fim de evitar casos de intimidação de eleitores. Além disso, os candidatos estão sob fiscalização rigorosa da força-tarefa que busca indícios de envolvimento com milícias, conforme ressalta o procurador regional eleitoral, Maurício Ribeiro.

— O fato de eles [policiais e bombeiros] estarem sendo investigados não quer dizer que todos tenham ligação com grupos paramilitares. A função da força-tarefa não é reprimir um ou outro candidato específico, mas sim realizar um trabalho preventivo e de esclarecimento da população acerca da inviolabilidade do voto.

Policiais e bombeiros famosos vão às ruas

Somente na capital, 76 policiais e bombeiros entraram na disputa por uma das 51 cadeiras da Câmara Municipal de Vereadores.  Na relação dos candidatos, alguns nomes chamam atenção. O sargento Marcio Alexandre Alves (PMDB), de 40 anos, ficou famoso no massacre da Escola Municipal Tasso da Silveira, na zona oeste, em abril do ano passado. Ele se tornou herói depois de balear o atirador Wellington Menezes de Oliveira.

— Vou lutar para melhorar a segurança nas escolas, para que não se repita o que aconteceu.

A lista de candidatos da Polícia Civil traz o delegado Alan Luxardo (PP), de 41 anos, que esteve à frente da DH (Divisão de Homicídios) de Niterói e São Gonçalo, e a inspetora Marina Magessi (PSB), que investigou a fundo os traficantes da favela da Rocinha, zona sul, e já cumpriu mandato como deputado federal. Outro postulante é o inspetor Miguel Laino (PSL), preso pela Polícia Federal na operação Hurricane, em 2007, sob acusação de receber propina de contraventores. Procurado pelo R7, o candidato não se pronunciou.

Candidata pelo PSL, a delegada Monique Vidal, 43 anos, ficou conhecida por atuar no combate ao tráfico de drogas nos morros Pavão-Pavãozinho, na zona sul, e Mangueira, na zona norte.

— Vou lutar por um programa que não envolva somente o usuário de crack, mas toda sua família.

Na conta do Corpo dos Bombeiros, o major Marcio Garcia (PR) já conhece os palanques. Ao lado do cabo Benevenuto Daciolo, o militar esteve à frente do movimento S.O.S Bombeiros, que comandou greves e paralisações por melhores salários, em 2011.

— A estratégia é ganhar espaço e representação nestas eleições para tentar vagas para deputados estaduais e federais em 2014.

A 250 km do Rio, a pequena Santo Antônio Pádua, no noroeste fluminense, com pouco mais de 40 mil habitantes, tem como candidato a prefeito Josias Quintal (PSB), policial militar e secretário estadual de Segurança Pública durante o governo do casal Rosinha e Anthony Garotinho.

— Vamos fazer um bom trabalho para tirar a bandidagem da política.

FONTE - R7





quarta-feira, 15 de agosto de 2012

MELHOR DEFINIÇÃO SOBRE O PT


A MELHOR DEFINIÇÃO DO PT QUE RECEBI
'O PT é um partido orientado por intelectuais que estudam e não trabalham, formado por militantes que trabalham e não estudam, comandado por sindicalistas que não estudam nem trabalham e apoiados por eleitores idiotas que trabalham pra burro e não têm dinheiro pra estudar!

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

EXERCITO TEM MUNICÃO PARA ATENDER UMA HORA DE GUERRA EXTERNA

Sucateado, Exército não teria como responder a guerra, dizem generais



Série de reportagens do G1 mostra situação de militares e riscos ao país.
Plano para reequipar tropas, assinado por Lula em 2008, pouco avançou.


Assinada em 2008, a Estratégia Nacional de Defesa (END) prevê o reaparelhamento das Forças Armadas do país em busca de desenvolvimento e projeção internacional, mirando a conquista de um assento permanente no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU). No entanto, poucas medidas previstas no decreto tiveram avanços desde então.

O Exército, que possui o maior efetivo entre as três Forças (são 203,4 mil militares), está em situação de sucateamento. Segundo relato de generais, há munição disponível para cerca de uma hora de guerra.


O G1 publica, ao longo da semana, uma série de reportagens sobre a situação do Exército brasileiro quatro anos após o decreto da END, assinado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foram ouvidos oficiais e praças das mais diversas patentes - da ativa e da reserva -, além de historiadores, professores e especialistas em segurança e defesa. O balanço mostra o que está previsto e o que já foi feito em relação a fronteiras, defesa cibernética, artilharia antiaérea, proteção da Amazônia, defesa de estruturas estratégicas, ações de segurança pública, desenvolvimento de mísseis, atuação em missões de paz, ações antiterrorismo, entre outros pontos considerados fundamentais pelos militares.

domingo, 5 de agosto de 2012

FISCAIS DA LEI ACIMA DE TODOS


Pelas leis trabalhistas brasileiras , qualquer empregado pode, no máximo, vender ao patrão , seja ele privado ou público, dez dias das férias. É obrigado por lei a gozar no minimo vinte dias de férias por ano, até mesmo como exigência da saúde.


No Judiciário e Ministério Público é diferente. Lá eles tem  60 dias de ferias por ano . Em alguns lugares como no Minsitério Publico de São Paulo os promotores tem vendido e o EStado tem comprado as 60 dias de férias anuais destes promotores


No Ministério Publico da União só é possivel vender dez dias dos 60 dias de férias de seus procuradores Mas em Sao Paulo pode todos o sessenta dias o que equivale o embolso de mais dois meses por ano, alem do 1/3 legal.
Fonte
Diário do Pará edição de 5 de AGOSTO de 2012, domingo

PROXIMO PRESIDENTE DA REPUBLICA PODE SER MILITAR FEDERAL OU ESTADUAL.


1- OS MILITARES FEDERAIS E ESTADUAIS SOMAM TRES MILHÕES DE TREZENTOS MIL EM UM UNIVERSO DE DEZ MILHÕES DE SERVIDORES . ELES TEM CONDIÇÕES DE ELEGER DO PRESIDENTE DA REPUBLICA AO VEREADOR DA MENOR CIDADE DO BRASIL .

2- CONSIDERANDO QUE CADA MILITAR TEM QUATRO DEPENDENTES O POTENCIAL DE VOTOS DA CATEGORIA É DE QUINZE MILHÕES, SUFICIENTE PARA ELEGER AS AUTORIDADES CITADAS NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES

3-PROJEÇÕES SÉRIAS DÃO CONTA QUE OS MILITARES PODEM ELEGER UM PRESIDENTE DA REPUBLICA, TODOS OS GOVERNADORES DO ESTADO, UM TERÇO DOS SENADORES, DEPUTADOS FEDERAIS, ESTADUAIS, PREFEITOS E VEREADORES

4- OS MILITARES JÁ SE CONSCIENTIZARAM QUE OS CANDIDATOS  CIVIS VOTADOS POR ELES PARA REPRESENTÁ-LOS, UMA VEZ ELEITOS ESQUECEM A CATEGORIA, TRABALHANDO EXCLUSIVAMENTE PARA AS CATEGORIAS DAS PROFISSÕES CIVIS.

5- NA  ULTIMA ELEIÇÃO OS MILITARES VOTARAM EM PESO NOS CANDIDATOS DO PT :  DILMA RUSSEF, VACAREZZA. FERNANDO FERRO, PAULO TEIXEIRA, GENOINO, CHINAGLIA, MARCOS MAIA COM A ESPERANÇA QUE ELES COLOCASSEM PARA VOTAÇÃO EM SEGUNDO TURNO A PEC 300. UMA VEZ ELEITOS OS CITADOS CANDIDATOS ESQUECERAM DOS MILITARES E SUAS PROMESSAS DE CAMPANHA A ELES.

6-  OS MILITARES JÁ SE CONSCIENTIZARAM QUE PRECISAM DE UM PARTIDO MILITAR PARA REPRESENTA´-LOS JÁ QUE O PT, PMDB, PSDB SÓ DEFENDEM AS CATEGORIAS CIVIS. ESQUECEM POR COMPLETO DA MILITAR.

7 ESTA É A RAZÃO DO PISO SALARIAL DE  UM BOMBEIRO OU PM  NO RIO DE JANEIRO  SER DE POUCO MAIS DE MIL REAIS E DE UM AGENTE DA POLICIA FEDERAL R$ 7.500,00, UM MOTORISTA DO SENADOR 16 MIL REAIS ENQUANTO UM CAPITÃO DE CORVETA TEM PISO DE 8 MIL REAIS.

8- PORTANTO A PARTIR DESTA ELEIÇÃO DE PREFEITOS E  VEREADORES FOI DESFRALDADA A BANDEIRA : MILITAR VOTA EM MILITAR.  VAMOS ELEGER UM GRANDE NÚMERO DE PREFEITOS E VEREADORES EM TODOS OS MUNICÍPIOS DO PAIS

9-  ENTRE AS PROPOSTAS QUE DEVEM SER DISCUTIDAS E APROVAS NO CONGRESSO NACIONAL PELOS CONGRESSISTAS EGRESSOS DA VIDA MILITAR ESTÃO:

a) PISO SALARIAL ISONÕMICO PARA TODAS AS CORPORAÇÕES POLICIAIS CIVIS, MILITARES, FEDERAIS E ESTADUAIS DE R4 20.000,00 ( IGUAL AO DA CIDADE DE CHICAGO ESTADOS UNIDOS) , IGUAL AO DE JUIZ DE DIREITO EM INICIO DE CARREIRA.

b) APROVAR UMA PEC QUE CONSIDERE OS INTEGRANTES DA POLICIA MILITAR COMO MILITARES ESPECIAIS, SENDO -LHES CONFERIDOS TODOS OS DIREITOS CONSAGRADOS NA CLT

c) CRIAÇÃO DE UNIDADES MILITARES FEDERAIS EM TODOS OS MUNICÍPIOS DO PAIS DE FORMA QUE SEJA OFERTADA VAGA PARA TODO JOVEM SERVIR A PÁTRIA.

d) CRIAÇÃO DE BANDAS DE MUSICAS EM TODAS AS UNIDADES MILITARES E ESCOLAS DE TODOS OS NÍVEIS COMO FORMA DE FORTALECIMENTO DO CIVISMO .

e) REFORMAR A LEGISLAÇÃO PENAL, APENANDO OS CRIMES HEDIONDOS COM UM MINIMO DE 30 E MÁXIMO DE 70 ANOS, QUE DEVEM SER CUMPRIDOS INTEGRALMENTE EM REGIME FECHADO, SEM DIREITO A QUALQUER BENEFÍCIO CARCERÁRIO.

f) CONSIDERAR CRIMES HEDIONDOS : PEDOFILIA, ESTUPRO, LATROCÍNIO, HOMICÍDIO DOLOSO, IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA, ENRIQUECIMENTO ILÍCITO RECEBER DOS COFRES PÚBLICOS SALARIO SUPERIOR AO TETO CONSTITUCIONAL,
NEPOTISMO, DIRIGIR EMBRIAGADO, MENTIR O ACUSADO, A VÍTIMA OU TESTEMUNHA EM JUÍZO, DESTRUIR O MEIO AMBIENTE COM CORTE DE ÁRVORES NATIVAS  DA FLORESTA, ASSASSINAR ANIMAIS E PÁSSAROS SILVESTRES. IDEM OS ANIMAIS E PÁSSAROS DOMÉSTICOS  QUE A LEI ESPECIFICAR . IDEM PEIXES A ANIMAIS AQUÁTICOS DOS RIOS E ÁGUAS DO MAR TERRITORIAL QUE A LEI ESPECIFICAR. .

g) O CONDENADO POR CRIME HEDIONDO DEVE RESPONDER O PROCESSO PRESO. IDEM OS RECURSOS QUE INTERPOR.







quinta-feira, 2 de agosto de 2012

General Adriano Pereira: esclarece o que é ser soldado do exército e soldado da PM


O general ADRIANO PEREIRA JR, hoje em entrevista no Programa Canal Livre da Band, 30 de julho de 2012, demonstrou entender mais da Polícia Militar do que os próprios PMs. Ele explicou a diferença entre um soldado da PM que é de carreira e de um soldado do Exército.
Não existe carreira de soldado do Exército, este é treinado para a guerra que é um serviço excepcional. E o soldado da PM tem uma vida inteira para desempenhar essa função, assim ele não pode ser pautado pelo REGULAMENTO DO EXÉRCITO, que é feito para períodos de exceção, ou seja, GUERRA!
O próprio General em sua entrevista deixou claro que os códigos aplicados no EXÉRCITO não devem ser aplicados para os SOLDADOS DA POLÍCIA MILITAR, as funções são de natureza diferenciadas.
Usar o regulamento do Exército para a Polícia Militar é infringir direitos trabalhistas duramente conquistados ao longo de décadas, precisamos rever isso com o máxima urgência. Coronéis da PM, o próprio General do Exército deu a deixa…

MILITARES SE CANDIDATAM PARA VEREADOR

Eleições 2012: Mais de 4.600 policiais se candidatam em todo o país



A participação de policiais civis e militares como candidatos disparou em Estados onde essas categorias promoveram greves e paralisações nos últimos dois anos. O número de agentes das forças públicas de segurança que tentarão se eleger prefeitos ou vereadores aumentou em mais de 50% na Bahia, no Amapá, na Paraíba e no Maranhão, em relação ao pleito de 2008. Esses Estados registraram sérios distúrbios por causa de reivindicações salariais de policiais.

O efetivo total dos candidatos de farda ou distintivo no País soma 4.634 homens e mulheres, crescimento de 16% em relação aos 3.995 policiais candidatos em 2008. Sua bandeira principal é a pressão pela aprovação da Proposta de Emenda Constitucional 300, que estabelece piso salarial nacional para a categoria. Mas, como prefeitos ou vereadores, os militares só poderão fazer pressão política, pois cabe ao Congresso Nacional a deliberação sobre o assunto.

Palco da mais violenta greve policial registrada recentemente, a Bahia teve crescimento de 55% na participação de candidatos que se apresentam como integrantes das forças de segurança. Em 2008, 245 policiais disputaram a eleição. Neste ano, são 379. O crescimento universal de postulantes no Estado foi de 24%. No Maranhão, a participação de candidatos policiais aumentou 58% - de 89 em 2008 para 141 este ano. Ali também houve uma greve policial entre o fim de novembro e início de dezembro. O número geral de candidatos nas cidades do Maranhão aumentou 21%.

O aumento mais expressivo do número de policiais nas eleições foi no Amapá. Eram 20 candidatos há quatro anos. Agora, são 37, ou 85% a mais. A quantidade total de candidaturas no Estado aumentou 30%. A PM local ameaçou greve em fevereiro, mas foi contida com reajustes de até 100% em alguns benefícios, como o auxílio-fardamento.

Nos maiores colégios eleitorais do País, a participação de policiais na eleição não teve crescimento expressivo. Em São Paulo, com o maior número absoluto de candidatos, serão 636 tentando se eleger, 10% a mais comparado a 2008. Minas Gerais, que enfrentou violentas manifestações policiais nos anos 1990, saiu de 515 para 528 policiais candidatos - quase 3% a mais.

Embora tenha havido um crescimento expressivo no número absoluto de policiais nesta eleição, a participação relativa desses candidatos diminuiu em relação a 2008. Há quatro anos, o efetivo policial representava 1,094% das candidaturas. Este ano, a proporção caiu para 0,997%, pois o número total de postulantes também disparou no País, de 365.292 em 2008 para 464.973 este ano - ou 27% a mais.

Milícia

Embora não tenha apresentado aumento significativo no número de policiais no pleito deste ano - cerca de 8% -, o Rio é o Estado que tem a maior proporção de candidatos de farda. Os 456 postulantes são 2% das 21.143 candidaturas. O temor de que parte esteja envolvida com grupos de milícia que atuam em comunidades carentes do Estado fez com que a força-tarefa capitaneada pelo Tribunal Regional Eleitoral resolvesse, semana passada, monitorar essas candidaturas. O grupo tem também representantes da Secretaria de Segurança, do Ministério Público, da Polícia Federal e das Forças Armadas.

Dê um play aqui, e ouça...

>>>>>>>>>>>>>

PESQUISE POR AQUI...

BARRA DE VÍDEOS MILITARES

Loading...

Arquivo do blog